ITM Empreendimentos

RI 005/2023 – R-02-10.913

Já imaginou acordar com aquele clima frio agradável num amanhecer ensolarado? Ou então experimentar a sensação de tranquilidade ao ver seus filhos respirando o ar puro que só a natureza em abundância pode proporcionar enquanto se divertem?

Para muitos, esse estilo de viver se parece mais com um sonho, uma meta de vida. Mas para quem vive em Bananeiras, no brejo do estado da Paraíba, é a mais pura realidade.

Neste artigo você vai conhecer tudo que precisa sobre Bananeiras: como é o seu clima, o que tem para fazer por lá, qual a estrutura que o município tem, e entender porque cada vez mais famílias encontram nesta cidade um refúgio repleto de qualidade de vida.

Clima

Embora a cidade esteja localizada em uma região semiárida, Bananeiras é popularmente conhecida pelas suas baixas temperaturas durante o inverno. A partir do mês de junho, toda a região é tomada por um frio delicioso, criando o clima perfeito para subir a serra com a família e amigos, aproveitar as férias escolares dos filhos, saborear um bom vinho e descansar com tranquilidade.

Durante o ano, a temperatura média em Bananeiras varia entre 23°C e 28°C, com os meses mais quentes sendo janeiro e fevereiro. Já os meses mais frios são julho e agosto, quando as temperaturas mínimas podem chegar entre 17°C e 12°C. A precipitação média anual na região é de cerca de 800mm, concentrada principalmente entre os meses de março e julho.

Cultura

Se engana quem pensa que Bananeiras é uma cidade que não respira cultura! De acordo com a PBTur, O patrimônio arquitetônico da cidade conta com mais de 80 edificações catalogadas, uma verdadeira riqueza que encontra-se em bom estado de conservação, permitindo que em 2010 a cidade fosse tombada como Patrimônio Histórico do Estado da Paraíba, pelo IPHAEP.

É possível acessar ícones históricos de Bananeiras, como a antiga estação de trem da cidade, um prédio com estilo arquitetônico anglo-francês que hoje abriga uma pousada, um restaurante e o Museu da Cidade, ou o próprio túnel do trem, construído há 100 anos atrás! Durante o São João, o Túnel é transformado em Salão de Forró e é um dos pontos turísticos mais visitados da cidade.

Quanto aos eventos culturais, a musicalidade nordestina do forró é predominante. Em junho, Bananeiras sedia sua festa de São João, que atrai cerca de 60 mil pessoas para a cidade. Para quem curte MPB, a cidade faz parte da Rota cultural Caminhos do Frio, que ocorre entre julho e agosto, no período do inverno, atraindo milhares de turistas que gostam de MPB e forró.

Para os amantes da natureza, a Cachoeira do Roncador é um passeio obrigatório na região de Bananeiras. O visual exuberante conta com um lençol d’água que desaba de uma altura de 45m, perfeito para para caminhadas ecológicas e a prática de camping. Além disso, a Área de Reserva Ecológica de Goiamunduba, localizada na zona rural do município, mantém 100 hectares de matas nativas, onde existem árvores que já foram extintas em outros redutos da Mata Atlântica.

A gastronomia também é um ponto alto de Bananeiras, tanto pela variedade, quanto pelo sabor. É possível encontrar opções da cozinha regional, como bares, cafés e restaurantes com um cardápio mais variado e contemporâneo.

Infraestrutura

Bananeiras tem uma localização estratégica e acessível para algumas cidades maiores. Ela está localizada a 136 km de João Pessoa, 70 km de Campina Grande e 147 km de Natal. Mesmo sendo uma cidade com pouco mais de 20 mil habitantes, Bananeiras oferece uma série de vantagens em termos de saúde, educação, segurança e lazer.

No que diz respeito à saúde, a cidade conta com hospital público e diversos postos de saúde distribuídos pela área urbana e rural, dispondo também de redes de farmácias e clínicas particulares.

Em termos de educação, Bananeiras conta com diversas escolas públicas e particulares, oferecendo opções de ensino fundamental, médio e superior. A cidade é sede de um campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que oferece cursos de graduação e pós-graduação em diversas áreas do conhecimento.

A segurança é outra área em que Bananeiras se destaca, com baixos índices de violência em relação a outras cidades da região. A cidade conta com um sistema de monitoramento por câmeras de segurança em pontos estratégicos.

História 

A cidade de Bananeiras, localizada na região do Brejo Paraibano, tem uma história que remonta ao período colonial brasileiro. Acredita-se que o nome da cidade tenha origem na grande quantidade de bananeiras que existiam na região, que teriam sido plantadas pelos índios que habitavam a área.

Os primeiros registros históricos da região datam do século XVII, quando a área fazia parte do território de Alagoa Grande. A partir do século XIX, com o desenvolvimento da pecuária e da produção de algodão, a região começou a prosperar, e várias famílias se estabeleceram na área.

Em 1875, a localidade foi elevada à categoria de vila, com o nome de Vila de São João de Bananeiras, em homenagem ao padroeiro local. Na década de 1930, a cidade passou por um período de modernização, com a construção de novas estradas e a instalação de serviços públicos como energia elétrica e telefonia. Ao longo dos anos, a cidade de Bananeiras se consolidou como um importante centro urbano e cultural da região do Brejo Paraibano.

Conclusão   

Ideal para quem busca momentos de respiro da rotina acelerada de grandes cidades, Bananeiras se posiciona em destaque na Paraíba como um dos seus recantos mais acolhedores, seja para fins de semana ou até períodos mais longos.

O contato com a natureza, a tranquilidade de uma região pacífica e segura, a preservação da sua história nas formas da beleza arquitetônica e o desenvolvimento no setor cultural são algumas das principais vantagens que elevam a qualidade de vida de quem vive a cidade de Bananeiras.

É neste paraíso verde que a ITM Empreendimentos Imobiliários fará o seu primeiro lançamento, com a intenção de elevar o padrão para uma experiência de moradia rica em bem-estar e comodidade, andando lado a lado com a segurança e a sustentabilidade.